A Lenda de Motaro

Este relato foi encontrado junto as ruínas da tribo dos Mothars. Conto escrito em pedra, que provavelmente conta o inicio da historia do lendário Orc que deu origem a raça dos Meio-Orcs.

” Nascido no interior de um vulcão parido num veio de lava corrente, Motaro cresceu um orc puro de sangue que foi abençoado por Surtur o Gigante de fogo. Por toda sua vida vagou pelo ermo em busca de algo que fizesse sentido para sua vida, lutou em diversas legiões, mas a que mais se destacou foi a Brigada Branca. Carrega nos ombros o peso de várias mortes, Sempre buscando um novo sentido para seu eu….”

Nem todas as pedras foram traduzidas, algumas estão desgastadas de mais para transmitir algum conhecimento sobre este Orc que enfrentou e ganhou o respeito de um dos 7 titãs.

lineage_orc_by_apulanta

Anúncios

Imortais e Escarlates

Raros temidos e imortais, as criaturas escarlates são identificadas por dois fatores únicos. a marcante coloração vermelha escarlate e sua incrível capacidade de recuperação. tornando-os quase que praticamente imortais. Existe dois relatos de seres escarlates reconhecidos nas terras de Aeternus, vem do Dragão Escarlate das terras altas de Astaroth e JedanDuble o Titã regente do caos.

O Dragão Escarlate foi uma criatura dracodemoniaca, possuindo assim características draconicas e demoniacas, porem desprovida de seus defeitos. Toda vez que recebia um ataque fatal, regenerava em poucos segundos todos os ferimentos sofridos. Era o último conhecedor do encantamento “Encarnação.” Lutou ao lado de outro Dracodemon chamado Valkmor, ajudando ele a conquistar toda Terra-alta. com o aprisionamento de Valkomor o Dragão Escarlate assume a posse do continente. Teve seu fim nas mãos do aventureiro Ben Ank, que tomou o trono dos dois Herdeiros do Dragão, Draco e Luka.

JedanDuble era um príncipe elfo do antigo reino de Antares, possuía pele vermelha e cabelos brancos, seus olhos tinham a cor e um leve brilho prata, foi caçado como Aberração e cresceu violento sempre lutando de forma agressiva, nutrindo um ódio enorme pela raça dos elfos que descriminava na época toda e qualquer criatura diferente deles. JedanDuble participou e liderou muitas guerras importantes, A guerra dos seis povos, a queda do reino de Antares e a guerra contra os 15 reis do mundo. JedanDuble foi o primeiro titã a criar seu coração de Aeternus (Rubi) podendo assim dividir sua imortalidade com sua escrava Evanenc.

Teorias criadas através do estudo de relatos históricos, dizem que seres escarlates surgem com a união de uma criatura mortal com um ser extra-planar (seja divino ou demoníaco). Visto que ambas as criaturas existiram na mesma época, acredita-se que os dois foram criados pela mesma entidade, pois apresentavam as mesmas características apesar da diferença racial.

escarlate_by_rodjer-d6j5j8g

A Capital de Aeternus

Localizado no que dizem ser o centro do mundo único, O reino do Splendor é tão vasto e grande que abriga dentro de si, o lago Ionad que se formou do local onde existia a lendária árvore yggdrasil, O reino tem extensão total igual a 9 reinos, Cercada por muros altos e largos o suficiente para conter o ataque de inúmeros gigantes, inúmeras balestras carregadas com arpões poderosos suficientes para abater vários dragões. Suas ruas largas de tijolos feitos de pedra vulcânica, permitem o transito de duas carruagens em sentido contrário sem atrapalhar o fluxo de passageiros pedestres. As vias principais tem o dobro do tamanho, a Praça da união dourada, ostenta um pilar central onde a primeira imperatriz Fassa, tem uma enorme estátua erguendo orgulhosa sua lança Zefiros, em relevo no pilar, imagens dos heróis que ajudaram a Imperatriz Fassa em sua ascensão ao trono imperial.

O Reino todo foi planejado por engenheiros anões, decorado por artesões elfos, levantados por mãos humanas e de meio-Orcs, Elfos Negros e Meio-Dragões deram suporte mágico em alguns aspectos do reino. O reino tem construções de mais de 5 andares, agua encanada para cada construção, iluminação noturna através de cristais de luz, sistema de saneamento básico em todos estabelecimentos, comercio livre e fixo dentro do reino, guildas que prestam suporte e treinamento a diversas classes de aventureiros, Parques e jardins com solo tão fértil que apresenta diversas espécies de plantas e flores, pequenos lagos naturais e alguns artificiais correm pelo reino com diversos peixes coloridos.

O castelo do imperador possui 9 andares, para chegar até o salão principal é preciso passar por longas escadarias que levam até uma guarnição, somando o total de 12 guarnições, cada uma dela liderada por um capitão imperial. No interior do castelo está plantada a Arvore Imperial.

4928834_orig

O Rei dos Mortos e seus apóstulos

Esta é a história de um casal que foi separado pelas forças das trevas. Esta é uma história muito triste.

Dois jovens aventureiros se conheceram durante a travessia para o caminho de Balmor. Um elfo negro e uma meio- dragão fêmea, se apaixonaram logo nas primeiras aventuras, e iriam se casar. Tinha tudo para ser uma história feliz, mas foi ai que os Deaths Kinghts convocaram o casal e o levaram para o reino de Cieu.

Muito tempo se passou e o Jovem elfo negro volta como um general dos Death kinghts, mas ao invés de liderar as forças de Brabeus ( Líder de todos Death Kinghts) ele vai até a presença de um rei e pede para se unir as forças de Aeternus contra Brabeus.

Ele pretende se vingar de Brabeus e sua rainha da morte pelo o que aconteceu com ele, outra coisa que ele pretende fazer é encontrar sua amada e seu filho. . .O rei em questão sugeriu um teste a ele. Se ele passa-se seria aceito nas terras de Aeternus. O teste foi simples, ele deveria ser escoltado desde o portão principal da cidade até o portão do castelo, porem ele estaria assim vulnerável a hostilidade do povo. Se ele chega-se vivo e sem matar ninguém ele passaria no teste.

Ele passou no teste, e hoje é conhecido como o Rei da morte, que procura sua amada, e lidera a guilda dos Apóstolos, segue sua busca pelos mares abordo no seu navio fantasma chamado “Noite de Bruxa”.

Apesar de todo seu poder ele não parece ter encontrado sua amada. Mas uma coisa é certa, ele terá sua vingança contra Brabeus

imageproxy

Curiosidades e números históricos

  • O primeiro grupo de Aeternus teve 4 personagens: Maruac (Paladino), Dark Slayer Zero (Xamã), Gatts (Guerreiro), Musou (Guerreiro).
  • O grupo com maior número de jogadores teve 9 jogadores na mesa.
  • O primeiro personagem de jogo a se casar e aposentar-se da vida de aventura foi Gatts.
  • O primeiro personagem player killer foi Enzann e o primeiro Pklizado foi Diegusticus (por curiosidade os dois são irmãos).
  • O primeiro Império de jogador foi Drimma
  • O primeiro Reino de jogador foi o Reino de Angra.
  • O primeiro Clan criado foi o clan: Gladius.
  • A primeira Guilda foi os Baiseikodans.
  • A primeira personagem mulher foi Lian (Valkiria).
  • A primeira Imperatriz jogadora foi Frestra (hunter)
  • Primeiro monge: Whong Fei.
  • Primeiro espadachim: Xinaidah.
  • O primeiro Espadachim n°1 foi Maruac
  • A primeira quest com mais de 100 opções foi: Xagrado Sagrado.
  • O primeiro Top level do jogo foi Dark Ilusion Nível: 2560.
  • O primeiro a conseguir um coração de Aeternus foi: Slar Mortus (coração de Aeternus de diamante).
  • O primeiro personagem transferido de outro sistema e virou PdQ foi Sugiro Kemora  Nível 60 (Espadachim).
  • A primeira quest com o maior número de mortos foi: A cidade assombrada.
  • O primeiro que editou e adaptou uma ficha foi: Miushi (mago).
  • A primeira personagem de jogadora feminina a chegar ao nível: 10 foi: Lara (Death Knight)
  • A primeira personagem de jogadora feminina a passar do nível: 20 foi: Agata (guerreira nível:30).
  • Atualmente o Sistema Aeternus RPQ conta com mais de 15 cadernos de quest, e mais de 122 quests escritas a mão.
  • Mais de 67 personagens criados.
  • O jogador ou jogadora mais velho teve 45 anos, e a ou o jogador mais novo teve 9 anos.
  • O item mais antigo do jogo ainda em ação é a Lendária espada Danbyung do reino de Lungra.
  • Tempo de quest mais longa durou 5:24hs de jogo.

Estes são dados coletados dês de 2/11/2004 até 25/06/2017.

920x920

Os pecados de Kyten

Assim que terminou a batalha de Hero contra Dark Shannoa, o semideus voltou para junto dos deuses, levando a chama da esperança até as estrelas, fazendo com que seu calor e sua luz ilumine a todos os seres do mundo único. Os destroços dos Artefatos divinos de Hero foram coletados por um sábio Dragão ferreiro, juntando todos os fragmentos dos artefatos, ele usou suas chamas para aquecer a fornalha, usando liga de Oricalcum com poeira estrelar ele conseguiu fundir todos os pedaços e forjou a primeira barra de Titãnita. o metal mais poderoso já feito no mundo dos mortais. com este metal ele criou uma Armadura digna de um deus. Dourada como o sol, ela irradiava uma aura branca de beleza divina, seu elmo lembrava a cabeça de um garanhão, em suas costas um magnifico par de asas luminescentes, num braço portava uma espada feita de aço estrelar e no outro braço um escudo também de aço estrelar. para surpresa de seu criador a armadura era tão perfeita que tinha vida própria, como seus pedaços vieram de artefatos divinos banhados por Ikhor, não foi difícil acreditar que tal milagre não pude-se acontecer.

Existe uma parte faltando da historia desta armadura, Mas dizem que seculos depois esta armadura foi utilizada por um outro Semideus, Herictorius era filho da deusa da guerra, regia os relâmpagos e voava pelos céus na velocidade da luz. Foi cavaleiro de Amaru e Liderou a revolução contra o Santuário dos altos elfos, Furiosos com o feito do cavaleiro, os 15 reis do mundo puniram Herictorius jogando-o no mundo inferior. Dizem as lendas que Herictorius encontrou a Armadura de Kyten sobre uma montanha de armas e armaduras quebradas, Kyten aceita Herictorius como seu novo dono e juntos abriram caminho para sair do mundo inferior.

Motivado pela influencia de Kyten, Herictorius foi confrontar os 15 reis do mundo. Estes mesmo ao ver Herictorius  de posse da armadura Kyten, manipularam a situação de forma que Herictorius enfrenta-se Dark Shannoa antes de chegar até eles. O combate durou um ciclo inteiro, durante a batalha kyten perdeu parte de sua asa, antes de ser erradicada pelo poderoso ataque de Dark Shannoa, Herictorius conseguiu refletir o relâmpago de volta para Dark Shannoa que pela primeira vez foi ferida mortalmente. Herictorius sem força alguma tomba diante de Dark Shannoa que também vai ao chão.

Outro fragmento da lenda conta que quando JedanDuble estava reunindo seu exercito para enfrentar os 15 reis do mundo, um poderoso guerreiro presenteou o Titã e exercito com 108 penas de Kyten, cada uma delas tinha a capacidade de se transformar em uma arma ou armadura, tudo dependendo da vontade e poder de seu dono.

Dizem as lendas que cada uma destas 108 penas representa 1 pecado de Kyten. Estes pecados foram reunidos e selados no templo de Khien, nas terras orientais de Tao Shun. Afirma-se que Shinigamis usam estas penas como armas para julgar as criaturas extra-planares.

God_Pegasus_ok-450

A Creepypasta de Aeternus O livro n° 11

O sistema Aeternus, inicialmente teve suas quests originalmente escritas em cadernos. Atualmente temos um total de 17 cadernos, e mais de 100 quests escritas a punho.

Um detalhe interessante na historia deste sistema é o desaparecimento do Caderno n° 11 ou Livro de quest n°11 como também era conhecido. Nesta época os cadernos circulavam entre os jogadores, ficando dias ou semanas com o mesmo grupo as vezes. O primeiro caderno que desapareceu foi o Livro n°2. porem este rapidamente eu consegui escrever as mesmas quests do caderno. O livro n°11 simplesmente desapareceu, não foi emprestado, ele ainda estava comigo, guardado junto com os outros livros. Estava inteiro, com todas suas 10 quest. Tempo mais tarde encontrei a capa do caderno entre os outros livros, pelo desgaste da borda, a capa rasgou devido a forte atrito sobre o livro, o que seria justificável se levarmos em conta que os livros ficavam empilhados um sobre o outro, porem sempre se teve cuidado para que os livros ficassem com suas armações (molas) intercaladas entre si, fazendo assim o peso dos cadernos era igualmente distribuídos entre si.

A primeira página do livro foi encontrada a mais de 477 kms dos outros cadernos, mostra sinais de que foi arrancada das outras folhas. Estava junto com anotações antigas da versão 2.0 do sistema original de Aeternus. Arquivadas todas numa pasta verde onde todas as versões do Aeternus são guardadas, porem ali são arquivados apenas as versões do manual básico, e não as quests dos cadernos.

Diferente do Livro n°2. Este caderno não foi reescritos, todas as 10 quests que ele possuía se perderam, não consigo me lembrar da narrativa das quests, apesar das anotações feitas, uma nuvem obscurece minhas lembranças sobre este caderno. Pedi para jogadores que tenta-sem recordar qualquer coisa sobre as quests do livro, mas a impressão que se tem é como se ele nunca tive-se existido. todos jogaram mais ninguém lembra de nenhum detalhe que poderia ajudar a reescrever o caderno. O que se sabe das quests que se perderam é que algumas delas tinham informações e regras únicas, como: a criação de fichas para os filhos dos personagens, o pagamento do personagem Adrian com o seu personagem, A primeira aparição da meio-dragão de luz Hikari, outra quest concede o teste para se tornar um Rei, Os caminhos transcendentais para outras classes, a primeira e última manifestação divina de um Deus em Aeternus dês da acensão dos 7 Titãns e a quest que conta uma pequena aventura da infância do seu personagem.

Em homenagem ao meu caderno de quest n°11 eu resolvi escrever uma Creepyquest. Fiquem atentos aos sinais e encontrem a Creepypasta1

20170603_221334

Aeternus – Termos de Jogo

Algumas coisas que são faladas durante o jogo.

Bane Acont (Apagar a conta): Rasgar a ficha, destruir o personagem, fazendo isso os Clãs e guildas criadas por ele também serão desfeitas se ninguém assumir a liderança. Em alguns casos o próprio jogador pode até ser expulso do grupo de jogadores com a aprovação unanime do grupo.

Boot: Personagem auxiliar como guardas, mercenários, Escudeiros e outros. As vezes um jogador faz mais de um personagem para jogar, sendo um o titular e os outros o Boot.

Bug (Falha): Falha nas regras e narrativas de quest. Erros graves que só podem ser corrigidos pelo mestre da quest. Os Bugs tanto podem favorecer quanto prejudicar os jogadores (Em ambos os casos TODOS os bugs devem ser corrigidos).

Buff: Efeitos de Suportes Mágicos ou poderes, que fortalece e ajuda um personagem

 Char (Character): Personagem do jogador. Ou AVATAR do Jogador no mundo de Aeternus.

 Char Bugado (ou se preferir personagem Editado): Personagem que estão com cálculos errados, seja de itens ou Modificadores. Pode ser que o jogador tenha errado (Bugado) ou roubado (Editado), em ambos os casos devem ser corrigidos.

 Critcal Damage (Dano Critico) C.D: É uma quantidade de dano máximo absurda para ser absorvida pela vítima. Um golpe, poder, magia ou qualquer outro efeito com tanto dano que pode arrancar todos os pontos de VIT da vítima num único ataque. O cálculo da C.D ou D.C é a soma de sua DEF + VIT o resultado será a quantia necessária de dano para matar a criatura.

 Del Level (D.L): Perder um nível (ou vários).

 Dano em Area (D.M.A =Damage Massive in All): Isso acontece quando o mesmo Golpe, Poder, Magia ou outro Efeito atinge todos presentes naquele momento. (Cena, turno as vezes até quest).

 Donator (Doador): Para jogadores que criam e imprimem suas próprias quests. Estas quests são de certa forma Doadas ao grupo de jogadores.

 Drop: Quando você vende uma criatura ela as vezes deixa itens pra ser recolhidos. São os chamados Drops de monstros ou de jogadores.

 Eventos: Quests narradas por mestres, como um jogo de RPG normal, sem Quest escrita. Fortalecendo a interpretação em jogo.

 Follow (seguir): Deixar o personagem em Follow significa que seu personagem está seguindo alguém da Party e vai pegar os mesmos caminhos e escolhas que ele. Normalmente isso é usado quando o jogador vai se ausentar do jogo por um tempo e volta mais tarde assim seguindo o jogo sem perder EXP ou deixando os outros jogadores esperando.

 Full (Cheio): Isso quer dizer que uma Quest está cheia. O número de pessoas jogando está quase acima do limite de narração do mestre ou G.M. Neste caso o grupo está cheio ou fechado.

Não existe um número máximo de jogadores por Quest (a menos que a própria Quest especifique).

 G.M (Guild Master ou se preferir Grand Master): É o líder do grupo de jogadores (pode ser o dono do Manual Básico de regras do Aeternus ou o Cara que escreveu mais Quest (Donator) Até quem sabe o TOP do Grupo.) O melhor é deixar o grupo escolher o G.M. Pois ele será o juiz, Grande Mestre e assim vai. Deverá dominar as regras do jogo Aeternus e ser justo em seus julgamentos. Uma boa opção é fazer que cada mestre de quest seja o G.M das suas próprias Crônicas.

 Itens Raros (Itens únicos): Quando se perde uma Quest todos os itens que só são encontrados na Quest perdida será considerado itens raros.

 K.S: Esperar um personagem matar um monstro e aproveitar a oportunidade pra recolher os itens, ou Aproveitar que um personagem está matando um monstro forte de quest e receber os pontos de experiência e concluir a quest.

 Lag: Acontece toda vez que o narrador (O cara que está lendo a quest) se atrapalha na leitura.

 Logar: Entrar na Quest para jogar com o grupo. Estar Logado significa estar jogando a Quest.

 Low Level (Nível Baixo): Todo personagem de nível baixo, normalmente personagens de nível abaixo de 20.

 Lurar: Trazer para o grupo um monstro de outra página ou as vezes de outra quest. Pode parecer difícil, mas acreditem isso acontece.

 M.V.P (Meu Vilão Preferido ou Most Valuable Player): São os Chefes de Quest (Boss), Monstros mais fortes (Bastantes), com muito (e bote muito) pontos de VIT e outras Habilidades especiais. Costumam até ter imunidades a mais de 5 tipos de dano ou efeitos.

 Miss Click: O corre quando um personagem atinge outro personagem sem querer (Podem ter certeza que isso acontece neste jogo).

Ex 1: Um MVP usa uma ilusão (DMA) e um dos jogadores tem uma falha crítica que resulta num Miss Click atingindo um outro personagem na cena.

Ex 2: Um jogador sobre efeito de Metamorfose, pode ser atingido normalmente como todas criaturas semelhantes que estiverem sendo atacadas por DMA de um outro Personagem de jogador (se você se transformar num morto-vivo para não ser atacado pelos mortos-vivos da cena, você pode ser atingido pelo poder “Santuário” dos Paladinos). Se o Miss Click terminar em Morte do outro personagem (o que tomou o Miss Click) será dado as regras de P.K normalmente para que atacou o outro sem querer.

 Mob: Monstro de Quest também chamado de Mob Quest (M.Q).

 Noob (novato): Um jogador novo grupo ou jogador veterano que ainda não sabe jogar.

 Rate: Em casos muito raros uma Quest pode ter seu Rate de Experiência aumentado, Rate 2, Rate 5 ou rate 10 (Exp X 2, X 5 X 10). O Rate normal de Aeternus é Rate 1 (Exp X 1).

 Ress (Ressuscitar) Quando um personagem morre durante uma Quest ele pode optar ficar morto na Quest esperando alguém (que possa) ressuscitar seu personagem, fazendo assim com que ele não perca EXP e não tenha que refazer toda Quest de novo.

 Restart (reiniciar): Começar tudo de novo a Quest.

 RuneMaker: Xamã do grupo responsável por dar suporte de runas.

 ScreenShots: Desenhar ou escrever um acontecimento da Quest vivido pelo seu personagem.

 Spoil: Matéria prima que só pode ser obtida após vencer uma criatura ou teste de Atributo.

 Summoner: Invocar uma criatura, convocar um aliado BOT.

 Tanker: Personagem que pode defender o grupo dos ataques dos monstros atraindo todos Ataques pra sim mesmo.

 Top (Topo): Aquele que está no Topo. “Top Level.” Está no topo da lista de níveis. Isso significa que o cara tem o personagem de maior nível do jogo. “Top Damage.” Seria o personagem que causa o maior dano em seus Ataques.

 Trade (Troca): Troca de itens entre personagens.

 Treta: Arrumar confusão com outros personagens ou outro grupo de jogadores, desafiando assim eles para disputas dentro do jogo.

 Traps (Armadilha): Preparar uma cilada, ou armadilha para personagens ou monstros, Traps normalmente são feita por vários personagens contra um ou poucos personagens.

 UP (subir): Upar de nível, significa passar de nível, subir de LV. Upar na paleta: É o ato de Fazer Party com um ou vários Jogadores mais fortes e deixar que eles enfrentem todos os perigos da Quest e você fica quietinho só recebendo EXP.

 Wipe: Acontece quando o grupo decide começar de novo, tudo do zero. Iniciando assim um grupo de personagens novos sem ligação nenhuma com os personagens antigos, zerando assim suas histórias.

 XP (EXP): Experiência, ou Pontos de Experiência. Obtidos a cada final de Quest ou no final de um grande desafio dentro da Quest.

 X1: Quando um personagem enfrenta outro personagem numa luta 1x 1.

for_thai_ro_kafra_contest

Carta a um Cavaleiro

– Você é aquele que vai na frente, e que dá a cara a bater.
– É de você que vão depender quando o mostro aparecer.
– É em você que vão confiar quando a guerra começar.
– Você vai se ver cercado por criaturas de todos os lados, e mostrará porquê é um cavaleiro.
– Você sabe que se quer liderança,  é a você que vão Buscar.
– Você monta seu cavalo com mais estilo que os Templários.

Ass: Um cavaleiro anonimo.

3521e42a15295ab5cec3292ae52b1812